PAPO DEMOCRÁTICO

o autointitulado Iluminado Democrata – embora seus atos e os fatos não afirmem o título.

Por SILVIO MUNHOZ 12/08/2021 - 19:00 hs

          

“Apenas me lembrei de uma dessas propagandas divertidas e inesquecíveis.  Não fossem inesquecíveis: eu não lembraria, isto é um indício.   Não fossem divertidas: você não estaria sorrindo agora, mesmo antes de saber qual é...  Outro indício: isso prova minha intenção.  É aquela da Toshiba, lembra? . Aquela em que um vendedor do Para... de um país amigo... oferece um videocassete ou algo assim e diz que você não precisa da garantia, acrescentando: “la garantia soy yo”!” Adriano Alves-Marreiros[1].

- A gente faz eleições com essas urnas, que representam a pós-modernidade mundial no campo da recepção e totalização de votos, há anos e nunca houve comprovação de fraude e suspeita de violação, com certeza, são invioláveis, diz o autointitulado Iluminado Democrata – embora seus atos e os fatos não afirmem o título.

- Olha aí, Iluminado, aqui a gente tem vários estudiosos dessa tal TI, matemáticos e outros entendidos que dizem ser possível a invasão e até mesmo a fraude em suas urnas, quem sabe a gente não melhora aí o sistema para a eleição ficar mais segura, responde em uma rede social o Fascista antidemocrático, como apelidado por todos que o odeiam e não aceitam que esteja no poder – embora seu atos e os fatos não comprovem o apelido.

- “Jamais diga uma mentira que não possa provar”, é a resposta do Iluminado às chamadas Fake News, pois baseados somente em “indícios”[2], apresentadas na live e rebatidas em tempo real por funcionários da Corte que Preside.

- Olha aqui, Iluminado, toma tua prova. Diz o Fascista ao apresentar, em nova manifestação na internet, parte de um inquérito realizado por uma das mais importantes forças policiais do País a pedido de uma ex-presidente da Corte do Iluminado, pois fora constatada uma invasão em eleição anterior – e o invasor permaneceu por bastante tempo - no sistema indevassável.

- O Senhor será processado[3] por divulgar Fake News e por expor inquérito sigiloso, diz o Iluminado ao encaminhar notícia-crime à Corte mais alta do País, assinada junto com os demais membros da Casa que preside.

- Não há sigilo, responde o Fascista, pois o IP foi encaminhado pela Polícia à comissão da Casa do Povo a pedido do relator de uma tentativa de mudar a lei do voto, e somente enviada partes que não interferiam na continuação da investigação. Dificultada, segundo a Polícia, pois o próprio Tribunal que postulara o inquérito “acidentalmente” apagara os Logs – caminho informático para seguir a trilha do invasor e verificar o que realmente fez.  

- Além disso, Iluminado, não esqueça a sua frase dizendo ser obrigação de toda autoridade revelar o que sabe sobre o tema: “Se alguma autoridade possuir qualquer elemento sério que coloque em dúvida a integridade e a segurança do processo eleitoral, tem o dever cívico e moral de apresentá-lo. Do contrário, estará apenas contribuindo para a ilegítima desestabilização das instituições".[4]

- Nada disso importa, pois o “acesso indevido, objeto das investigações, não representou qualquer risco à integridade das eleições”, responde o Iluminado.

- Ahh, ei, ei Iluminado, mas, então suas urnas não são invioláveis, como o Sr. afirmava. Quem garante que não ocorrerão novas invasões. E no caso de uma futura invasão quem garante que não ocorrerá fraude??

- Chega, não quero mais papo sobre o assunto, eu garanto que não ocorrerão fraudes e ninguém será prejudicado em futuras eleições. Aliás, para mudar de assunto a frase da semana é de um parlamentar amigo meu, cujo nome e estado não revelarei:

 “Eleição não se ganha, eleição se toma”...

Biiiiiiiiiii, biiiiiii, biiiiiiiiiiiiiiiii, biiiiiiiiiiiiiii, biiiiiiiiii, ops, que foi isso? Ah era apenas um pesadelo, bem que eu vi, esse “papo democrático” era surreal demais até mesmo para países imaginários como Nárnia ou Bandidolândia. Vamos lá, levantar e para começar vamos ver as últimas notícias: “Congresso Nacional rejeita proposta de alteração constitucional que permitia fossem os votos auditados”!.. Puts, quem não iria querer mais segurança para um pleito eleitoral. Ah deixa prá lá, “amanhã a de ser outro dia”...


“A lição é a seguinte: nunca desista, nunca, nunca, nunca. Em nada. Grande ou pequeno, importante ou não. Nunca desista. Nunca se renda à força, nunca se renda ao poder aparentemente esmagador do inimigo.” Wiston Churchill.

 

Que Deus tenha piedade de nós!..

 

PS: Minhas dicas para o fim de semana do Iluminado.

Filme: First They Killed My Father.

Livro: O livro Negro do Comunismo – Bertrand Brasil.

Frase: “O problema com o comunismo é que um dia o dinheiro dos outros acaba.” Margaret Thatcher.

 

 Silvio Miranda Munhoz


 cronista da Tribuna Diária, presidente do MP pró-sociedade e membro do MCI (Movimento contra a impunidade). As ideias contidas no artigo revelam, única e exclusivamente, o pensamento do autor.

 



[1] https://www.tribunadiaria.com.br/ler-coluna/1063/la-garantia-soy-yo.html

[2] Indício também é prova consoante a lei do País.

[3] https://www.ultimasnoticias.inf.br/noticia/tse-apresenta-nova-queixa-crime-contra-bolsonaro-por-divulgar-inquerito-sigiloso/

[4] https://www.migalhas.com.br/amanhecidas/338698/migalhas-n--5-014