Ao "querido" fascista.

Alimenta o teu esgoto moral...

Por HARLEY WANZELLER 22/06/2020 - 00:06 hs

 

Publicado originalmente no livro Janelas da Alma: os escritos de um poeta politicamente incorreto.*


Muda o mundo.

Muda teu coração.

Não o coloques mudo, ou surdo.

Afasta de ti a hipocrisia. 

Elimina tua corrupção.

Não me ataques por pensar diferente. 

Não sejas indolente às minhas dores,

Pois minha pele as sente.

Não exerças a faculdade à ignorância.

Tua incúria nos ofende,

Nutre uma libertinagem intolerante aos meus valores, 

Alimenta o teu esgoto moral,

Impõe a mim um abismo que não escolhi.

Expõe uma arrogância que ataca minha liberdade - 

Tão cara quanto maltratada.

Aniquilada por aquilo que não compro,

Não alugo,

Só repugno. 

Aliás, temos ou não o direito à repugnância? 

Acaso não posso ter sentimentos ou reações humanas? 

Tenho, então, que provar de tuas "rações culturais" para ser aceito como pessoa? 

Onde estava o respeito e a liberdade tão eloquentes em tua voz? 

Seria essa voz uma "rica" dissonância cognitiva, pronta a desvendar a contradição?

A hipocrisia enrustida?

Eu sei quem sou. 

E o que quero...

Já eliminei as contradições passíveis de minha morte,

De forma que, te peço:

Não destiles sobre mim o ódio à minha discordância.

Não me trates como genitor da raiva que vem de tuas entranhas.

Não me cuspas salivas insolentes à face!

Não possuo tua cólera.

Nem mesmo a desejo.

Tenho apenas a pretensão do exercício de minha relevância humana.

E além disso,

Possuo um cérebro, 

O livre arbítrio,

E bastante compaixão por tua verdadeira intolerância.

Será que posso, ainda, escolher meus caminhos e as estradas que me convém?

Inclusive aquelas diversas das tuas?

Não ofendas, pois, os dons divinos,

E respeites nossa humanidade!

Sê inteligente e usa bem tua liberdade, 

Ou então serás vítima de teu próprio ego. 




*Wanzeller,Harley. Janelas da Alma: Os Escritos de Um Poeta Politicamente Incorreto. 1a edição - Rio de Janeiro, RJ. Drago Editorial, 2018. p. 80-81.