O Jurista do Apocalipse

Deus Salve A América

Por AQUILES ARMENDARIZ 01/10/2020 - 19:57 hs

Desde muito cedo ouvi discursos inflamados contra o imperialismo dos EUA, sobre sua sanha capitalista e sua mania de intervir em outros países e dominar política e economicamente o mundo.

Bem, vamos lá! Por primeiro, para que as coisas fiquem em seus devidos lugares, vamos parar com essa frescura de “estadunidenses”. O México também é Estados Unidos, o Brasil era, e sempre seus cidadãos foram chamados de mexicanos e brasileiros. Então, o nome é América e seus afortunados cidadãos são Americanos.

Outro ponto a ser observado, é que a América, um país muito jovem, foi ocupado e obteve sua independência em cima dos valores da família, do trabalho e da religião. Não foi por outras razões que se tornou a maior potência da humanidade.


                                  www.tribunalivros.com

Depois, não esqueçamos que as chamadas intervenções imperialistas, em verdade, seja no Vietnam, Coréia, Nicarágua e recentemente no Afeganistão e Iraque (infelizmente ainda não na Venezuela), sempre ocorreram em defesa da liberdade e da própria humanidade, no combate decidido contra a maior desgraça do planeta, qual seja a maldita doutrina da inveja, do fracasso e da vagabundagem – o marxismo.

O marxismo exterminou pessoas aos milhares na história da humanidade mais do que qualquer sistema ou ditador – em todos os tempos. E volta e meia ele mostra suas garras ou as esconde, o que é pior. O marxismo, como seu pai – o diabo – nunca desiste!

Por isso a América é chamada de “a polícia do mundo”. Que bom que ela existe e tomara mesmo que continue sendo governada com mão de ferro por alguém como Donald Trump, e não pelos democratas que flertam com o fundamentalismo islâmico, com a China e a Rússia.

Não se diga, por fim, que a América somente intervém onde há interesse econômico. Interveio algumas vezes onde havia algum fator econômico forte, mas apenas em razão de lá estar o mal da humanidade, este sim de olho nos valores do que havia no interesse patrimonial. E, convenhamos, não havia petróleo nem no Vietnam e nem na Coréia.

Cale a boca, igualmente, o incauto que não concorda com a invasão do Iraque ou as mortes de Saddam Hussein e Osama Bin Ladem. Em uma guerra não se pode permitir ao inimigo que tenha território, Osama conquistou o Afeganistão, coisa que felizmente o Estado Islâmico não conseguiu no Iraque. E ainda em uma guerra os líderes do mal devem ser eliminados. Não pode haver piedade com quem degola pessoas, abusa de milhares de mulheres e joga aviões em prédios repletos de civis.

Menos ignorância e menos chavões! Não fosse a América hoje estaríamos todos de uniforme e sapatos iguais, indo de bicicleta a um trabalho estafante e miserável, ganhando a mesma merreca, sem ter direito sequer à internet, que dirá a voz ativa. O homem em sua individualidade teria se diluído no mundo, não fosse a América.

                        Então: Deus salve a América.

 

                                           Chiuhaua, 30 de setembro de 2020.

 

 

                                                           AQUILES ARMENDARIZ

                                                       O JURISTA DO APOCALIPSE 


Rádio WebPutz na APOIA.se!

torne-se nosso parceiro, nos dê essa força para seguirmos em frente e mantermos nosso conteúdo aberto e inteiramente gratuito,