POLÊMICA GLOBALISTA

G7 fecha acordo sobre imposto mínimo global para empresas

06/06/2021 - 07:35 hs

Os ministros das Finanças do G7 fecharam um acordo neste sábado (5) para a criação de um imposto global de, ao menos, 15% para as grandes empresas.

Segundo o comissário europeu para a Economia, Paolo Gentiloni, a decisão deste sábado "é um grande passo para um acordo global sem precedentes sobre a reforma tributária para taxação de empresas... Nós precisamos fazer um último esforço para expandir esse consenso aos membros do G20 e a todos os países envolvidos, incluindo a OCDE", acrescentou o italiano.

Recentemente, os próprios norte-americanos anunciaram a aplicação e a suspensão por 180 dias de um novo imposto de resposta por uma "tarifa digital" anunciada por seis países contra empresas dos EUA.

A proposta encabeçada pelos Estados Unidos se concentra em criar tanto uma alíquota global mínima quanto regras especiais estabelecendo quanto de impostos as grandes companhias devem pagar, e a quem. A medida só se aplicaria às 100 maiores e mais lucrativas empresas do mundo.

As que se beneficiam de alíquotas menores num determinado local provavelmente terão que compensar com pagamentos complementares.