O BIG BROTHER DE TOGA

STF cria Programa de Combate para enfrentar “narrativas odiosas”

01/09/2021 - 14:02 hs

Uma resolução que instituiu o programa de Combate à Desinformação proposta pelo supremo, já foi publicada no Diário Oficial.



A ideia é instrumentalizar a corte para combater aqueles conteúdos que, segundo a ótica dos supremos ministros, sejam classificados como "desinformação e narrativas odiosas" direcionados à Corte, aos ministros do STF e ao Poder Judiciário.

Portanto, os veículos de mídia, assim como cidadãos que porventura se manifestem nas plataformas das redes sociais, estão proibidos de criticar aquele poder e ou, membros que componham o judiciário nacional, outrora defensor das garantias e liberdades individuais.

De acordo com a Resolução 742/2021, o objetivo do programa é “enfrentar os efeitos negativos provocados pela desinformação e pelas narrativas odiosas à imagem e à credibilidade da Instituição, de seus membros e do Poder Judiciário, a partir de estratégias proporcionais e democráticas, a fim de manter a proteção da Corte acerca das liberdades de comunicação”.

Na proposta da corte, os órgãos paraestatais que já vinham atuando nas redes sociais, com farta distribuição de tarjas de “Fake News” em tudo que de alguma forma lhes desagrade, passam a instrumentalizar conselhos de ação e combate à “disseminação de discursos de ódio”, contestação de notícias falsas: publicação de notícias em página especial denominada #VerdadesdoSTF para desmentir notícias falsas sobre a Corte ou seus integrantes e disseminar  as informações, que lhes caibam como  verdadeiras e aptas a produzir conteúdo que gere engajamentos positivos sobre o Tribunal.”

Isso é o Big-Brother de toga.