NA REPÚBLICA DE TOGA...

Blogueiro ganha tratamento de chefe de cartel colombiano.

25/10/2021 - 18:34 hs

Alexandre de Moraes dedica a Allan dos Santos, as honras de chefe de cartel de drogas internacional, colocando seu nome na lista dos procurados pela Interpol, após expedir mandado de prisão contra o entendimento do PGR.

O que mais causa estranheza é que boa parte da imprensa se apresse tão facilmente em atribuir os atos do ministro a causas que não se sabe quais sejam, haja vista que os inquéritos nascem eivados de irregularidades e atos inconstitucionais, além de sigilo quase absoluto que pairam sobre acusações ainda desconhecidas.

Como se vê, a utilização de seu canal nas redes sociais, usado como verdadeiro escudo protetivo para a prática de atividades ilícitas, aliado ao fato de ter se ausentado do território nacional durante as investigações, passando a perpetrar suas condutas criminosas dos Estados Unidos da América, tem conferido a Allan Lopes dos Santos uma verdadeira cláusula de indenidade penal para a manutenção do cometimento dos crimes já indicados pela Polícia Federal, não demonstrando o investigado qualquer restrição em propagar os seus discursos criminosos”, diz trecho da decisão de Moraes, reproduzida pela revista Carta-Capital.

Segundo o magistrado, as declarações de Allan dos Santos têm contribuído para as animosidades entre os poderes... Como se o culpado pela traição fosse sempre o sofá.