MAGALÚ: OU LACRA OU LUCRA!

O preço da lacração somado à pressão de mercado sobre o e-commerce resultaram em 25 milhões de prejuízo

01/11/2021 - 12:22 hs

 

As ações da Magalú despencaram no mercado, amargando um prejuízo histórico para aquela que era a queridinha do Lock Down, que chegou a lucrar astronômicos 109,84% na onda do “# fica em casa” e a disparada do e-commerce em função da adoção do home office.

Embora outubro tenha sido um mês duro para as empresas do Ibovespa, que derreteu 6,74%, o destaque negativo foi mesmo o Magazine Luiza, que com o tombo, acumulam em 2021 uma queda de 57% neste ano. Agora, os investidores aguardam os resultados trimestrais da companhia, que podem ajudar a reverter ou até agravar este quadro de desvalorização, segundo o respeitado portal SUNO.

o BTG prevê um prejuízo do Magazine Luiza de R$ 25 milhões no terceiro trimestre de 2021.

A varejista apontou como responsáveis pelas oscilações algumas reportagens vinculadas na imprensa, notória em polemizar agendas progressistas, talvez estejam recebendo as contas da lacração descolada da realidade, o custo de se viver numa bolha ideológica.

Parece que as coisas estão mudando no mercado, mesmo a Rede Globo já demonstra preocupação com a imagem perante seu público, refreando polêmicas desnecessárias, como noticiamos sobre a proibição por arte da emissora de que Luciano Hulk dê entrevistas á partir de agora, depois das mancadas de Casa Grande e do ex - CQC, atacando a reputação do jogador de vôlei, Mauricio Souza.