N0 MUNDO DOS NEGÓCIOS

um cenário pós-pandemico no mundo dos negócios de muita dificuldade, escassez, baixo crescimento das economias em geral


A pandemia efetivamente não acabou, porém o ser humano tem uma estranha capacidade porque não dizer um defeito de se antever algumas situações e no mundo dos negócios isso não poderia ser diferente.

Não conseguimos efetivamente prever que aconteceria uma pandemia, pelo menos a maioria de nós não sabia.  Mas temos uma grande expectativa com o término da mesma. Ok, ok, grande expectativa talvez seja demais, mas estamos vislumbrando diante de nós um cenário pós-pandêmico no mundo dos negócios de muita dificuldade, escassez, baixo crescimento das economias em geral pelo mundo todo.

Tudo isso é verdade, afinal de contas uma pandemia como a que nos assolou somente tivemos algo parecido no inicio do século XX e que infelizmente no século passado teve resultados muito mais danosos em termos de vidas perdidas E para quem não se lembra, foi logo após a pandemia que existiu a grande quebra da bolsa de Nova York. A pandemia acabou em 1920 e a bolsa quebrou em 1929 e, evidentemente, não estou aqui fazendo um link entre uma coisa e outra, mas sim apontando cenários que já aconteceram no mundo e tentando traçar uma rota pós-pandemia.

--------------------------------------------------------------------------


--------------------------------------------------------------------------

E com isso quero dizer que eu vislumbro um cenário extremamente positivo para os próximos anos, mesmo todos os economistas dizerem o contrário... Eu falo isso não para fazer frente aos economistas que realmente estudam diversas variáveis e produzem relatórios complicadíssimos e com diversas nuances, mas sempre existe algo que escapa a todo estudo, sempre existe um detalhe ou dois que mudam toda a realidade.

E nessa era de internet o que mais existe são oportunidades, existe todo um cenário ainda inexplorado, e que os primeiros que estão se aventurando estão colhendo frutos com muita rapidez e dinamismo, isso é uma tendência que a pandemia acelerou de forma exponencial.

Hoje em dia qualquer cômodo de qualquer casa faz parte de uma grande empresa, de uma multinacional ou porque não empresas estão nascendo nesses mesmos cômodos, e com isso diversos oportunidades estão sendo criadas.

Há quem pense que empreender pela internet seja somente através de um canal no YouTube, ou através de um perfil gigantesco no Instagram, isso é bobagem, YouTube e Instagram são apenas algumas das ferramentas existentes, mas são ferramentas e não o único meio, hoje é possível criar um comércio eletrônico de dentro da sua casa trabalhando sem estoque e com a entrega feita pelo fornecedor, existe a possibilidade de criar um negocio local, e com uso de ferramentas do Instagram, anunciar exatamente para aquela pessoa que está interessada justamente no seu produto e na região onde você se encontra.

Ou seja, independente do que o futuro nos reserva a grande mudança que a pandemia nos trouxe foi de que o digital foi o grande salvador durante a pandemia e será o grande salvador pós-pandemia, e independente do ramo de atuação que esteja atuando hoje, necessitara se ambientar com essas tecnologias, a pandemia acelerou alguns processos que viriam de forma mais natural, mas agora que chegou veio para ficar, alem do que através destas tecnologias, será mais fácil construir sua independência, e com isso ficar cada vez menos dependente do sistema vigente, do político que esteja ocupando a cadeira, ou qualquer arbítrio a que venhamos testemunhar, que hoje em dia são cada vez mais freqüentes, temos que usar tudo que esta ao nosso alcance para podermos criar a tão sonhada independência financeira e apoiarmos o que acreditamos.

Numa visão mais clara dos fatos, quanto mais inserido neste meio o seu negócio estiver melhor será, mas existe algo que jamais cairá em desuso, o bom atendimento ao cliente, este será sempre o grande diferencial e o bom atendimento nessa nova era digital é tão desafiador quanto sempre foi mais isso é assunto para outra coluna.

Marcelo Marcondes, analista antifraude, analista político e  editor da página @TudoaDireita.